Wiki Dobragens Portuguesas
Advertisement

Valentim de Carvalho é um estúdio de produção musical e de televisão fundada a 14 de fevereiro de 1824 por Eduard Neuparth sob o nome Salão Neuparth e comprada, em 1920, por Valentim de Carvalho, sob o nome Valentim de Carvalho situado em Paço de Arcos, Lisboa.

Sobre

A Valentim de Carvalho, com o nome de Salão Neuparth, nasceu em pleno Chiado, no dia 14 de Fevereiro de 1824. Fundada por Eduard Neuparth, musicólogo de nacionalidade alemã, começou por vender instrumentos musicais e música impressa.

Em plenos anos 20, o senhor Valentim de Carvalho, compra a empresa e altera-lhe a designação social para Valentim de Carvalho/Salão Neuparth.

A presença na atividade de gravação inicia-se nos anos 30, quando constrói o primeiro estúdio no primeiro andar da histórica loja da Rua Nova do Almada. Desde essa altura, acumulou um valioso acervo musical, o mais importante catálogo discográfico português, que cobre o melhor da música portuguesa.

Em janeiro de 1963, a empresa inaugura o novo estúdio de áudio em Paço de Arcos, uma instalação pioneira nesta área, por onde passaram alguns dos maiores nomes da música portuguesa e que significou um investimento invulgar para a época.

Por esta altura, as principais áreas de negócio da empresa eram: venda e distribuição discográfica, edição, comercialização de instrumentos musicais, estúdios de som. Esta década foi revolucionária em termos musicais e a edição de música conheceu um boom. O catálogo nacional cresce exponencialmente e abrange artistas tão díspares como Lopes Graça, António Calvário e Amália Rodrigues.

Em 1990, foi criado um estúdio para a produção de vídeo e foi construído um novo estúdio de som com equipamento tecnologicamente evoluído que viria a culminar com a autonomização do negócio de audio e vídeo através da constituição da Sociedade Estúdios Valentim de Carvalho.[1]

Dobragens

Artigo principal: Categoria:Valentim de Carvalho

Equipa

Atores


Galeria

Referências

Advertisement